Pedra única nas apostas? Veja tudo o que você precisa saber!

Pedra única nas apostas? Veja tudo o que você precisa saber!

Nas corridas de cavalos, existem vários sistemas de apostas. Um deles é conhecido como pedra, que quer dizer o montante total apostado. Existe ainda a pedra separada, em que cada região tem seu montante total. No entanto, essa modalidade gera retornos menores.

Um sistema que vem ganhando força é a pedra única nas apostas. Com ela, os apostadores aumentam as chances de ganhar e ainda podem entrar em grupos seletos que se unem nos principais páreos tanto no Brasil como em outros países.

Você sabe como funciona esse tipo de aposta? Quer aprender tudo para fazer o seu dinheiro render? Então, continue lendo este post e conheça as principais características da modalidade que é sucesso entre os principais apostadores do mundo. Confira!

Descubra como funciona o sistema de pedra única nas apostas

O sistema de pedra única nas apostas é mais uma opção para contribuir com as possibilidades de acerto nos resultados de diferentes páreos. A ideia é fazer uma integração, ou seja, vários apostadores injetam dinheiro em um movimento que fortalece a pedra com foco em uma determinada corrida hípica.

Dessa maneira, aumentam os valores das premiações e, consequentemente, do rateio entre os apostadores. Assim, pessoas concentradas no Rio de Janeiro poderão se juntar com mais gente do Paraná e fazer uma pedra única objetivando o prêmio de um páreo internacional, por exemplo.

Com isso, dois centros diferentes fazem uma aposta concentrada em apenas um lugar, aumentando as probabilidades de faturamento. A força do movimento é importante porque o rateio não sofre alterações. As únicas retiradas da totalidade são a porcentagem do jóquei e a referente ao Imposto de Renda. Tudo o que sobra é dividido entre os apostadores.

Na prática, o sistema é similar a um bolão, em que várias pessoas se unem visando um determinado prêmio, como acontece frequentemente na Mega Sena. A grande diferença é que as chances de acertos na pedra única são infinitamente maiores, sendo um sistema totalmente viável e atrativo para quem acompanha o mundo do turfe.

Conheça as vantagens desse sistema

A pedra única nas apostas pode ser forte tanto em corridas em solo brasileiro quanto nas internacionais. Atualmente, a Pari Mutuel Urbain (PMU) trabalha com os páreos nacionais, nos Estados Unidos e na França, ou seja, você pode injetar dinheiro em apostas bem diversificadas.

A grande vantagem do sistema é a possibilidade de concorrer a prêmios bem maiores em comparação aos existentes no Brasil. Em dados comparativos, um páreo de destaque por aqui movimenta cerca de R$ 120 mil, enquanto em solo norte-americano, pelo menos R$ 6 milhões.

Por isso, vale a pena converter o real em dólar e entrar em uma pedra americana, por exemplo. Afinal, é preciso juntar forças para ter visibilidade em apostas internacionais. Isso porque apenas um apostador não faria nem “cosquinha” em um bom páreo do exterior.

Em termos analíticos, uma excelente pedra única nacional em um bom dia de páreo no Jockey Club Brasileiro, na Gávea, no Rio, por exemplo, acumula aproximadamente R$ 1 milhão. Já na França ou nos Estados Unidos, são vendidos entre R$ 18 milhões e R$ 20 milhões.

Assim, convertendo o real em euro ou dólar, os apostadores daqui podem ter acesso a várias modalidades de apostas francesas (que são diferentes), tendo os jogos em cima de valores bem mais altos.

Desse modo, os turfistas podem ter acesso às corridas de primeiro mundo apostando por meio da pedra única. Sem o sistema, a participação seria inviável. Além de aumentar as chances de faturamento, o apostador ainda tem um leque de opções, tendo em vista que, somente nos Estados Unidos, existem 15 hipódromos de renome.

Fica bem mais atrativo participar de um rateio de R$ 5 milhões do que dividir R$ 20 mil entre centenas de pessoas, não é mesmo? Outra vantagem é o acesso a outros tipos de corridas que não acontecem por aqui, como o trote atrelado.

Veja como se preparar para apostar em hipódromos internacionais

Antes de você realizar apostas em páreos internacionais, a principal dica é manter-se sempre informado sobre as peculiaridades de cada prêmio, os melhores jóqueis, cavalos favoritos, treinadores, fuso horário, enfim, quanto mais dados tiver, melhores serão as chances de acertar os resultados.

A PMU, por exemplo, disponibiliza transmissões no canal do Jockey na TV e online sobre as corridas norte-americanas e francesas com comentaristas que entendem do assunto. Vale a pena sempre acompanhar a programação para não errar nas apostas, contribuindo ainda com a familiarização do que acontece no exterior.

A orientação é fazer o cadastro para receber os programas diários, inclusive com estudos sobre os páreos. Por meio deles, você poderá se tornar expert no assunto, ou seja, terá mais chances de realizar as apostas corretas. Afinal, um detalhe pode fazer uma grande diferença em uma corrida hípica.

Aprenda quais são os principais hipódromos dos Estados Unidos e da França

Quem utiliza a pedra única nas apostas não pode deixar de conhecer as principais corridas internacionais, nas quais as chances de faturamento são bem atrativas.

Nos Estados Unidos, Nova Iorque conta com três hipódromos onde são realizadas corridas sazonais: Aqueduct (Queens), Belmont Park e Saratoga (melhores páreos e prêmios). Por causa da neve, eles só funcionam por alguns meses.

Fique sempre atento aos eventos que acontecem na Flórida, como no hipódromo de Gulfstream Park. Na Califórnia, os destaques são Santa Anita e Del Mar. No Kentucky, as principais corridas acontecem no Churchill Downs e no Keeneland.

A França também é um excelente país para turfistas de carteirinha realizarem apostas no sistema pedra única. O país tem tradição tanto nas corridas a galope quanto no trote. No galope, os principais hipódromos são Saint-Cloud, Chantilly e Maisons-Laffitte. Já o Vincennes sedia as corridas de trote.

Descubra como não errar na hora de investir na pedra única nas apostas

Além da constante busca por informação bem apurada e com credibilidade, como acontece no site da PMU, os apostadores que pretendem investir na pedra única sempre devem buscar entender as diferentes modalidades de cada país.

Isso porque as opções são diversificadas. Nos Estados Unidos, por exemplo, as apostas são verticais, enquanto na França, horizontais. Por isso, a pessoa precisa identificar o tipo de jogo de que gosta, buscando os locais que oferecem a possibilidade para evitar confusões que possam trazer más avaliações.

Desse modo, busque se informar sobre o cardápio de cada páreo. Verifique horários, extensão dos hipódromos, jóqueis que competirão, cavalos favoritos, estatísticas. Enfim, esteja atualizado para transformar a pedra única nas apostas em um sistema corriqueiro nos seus jogos.

E aí, ficou interessado nesse sistema e quer saber mais? Então, entre em contato com a nossa equipe e aumente as suas chances de ganhar um dinheiro extra!



Compartilhe com seus amigos