Maikon Mesquita, a revelação da temporada

A pouco mais de três meses do final da temporada 2018/2019 muitas questões estão em aberto. É difícil destacar neste momento, antes de boa parte das provas de G1 do ano hípico, quais candidatos serão eleitos como melhores animais e profissionais do turfe carioca.

Porém, no quesito revelação, um nome desponta como grande favorito. O aprendiz Maikon Mesquita vem mostrando, a cada direção, que tem muito potencial e todos os requisitos para se tornar um bom jóquei. Tem um bom jogo de rédeas, habilidade com o chicote, uma boa posição e noção de percurso.

Aos 17 anos, Mesquita é natural de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, iniciou a paixão pelo esporte acompanhando o pai aos hipódromos e retas espalhados pelo sul do país. Obteve sua primeira vitória na Gávea em julho do ano passado e, de lá para cá, soma 46 triunfos, ocupando a décima colocação na estatística.

Sua trajetória até aqui lembra muito a de seu companheiro de escola, Bruno Queiroz, revelação da última temporada e atual líder da estatística de jóqueis. A comparação é desnecessária. Ainda é cedo para dizer onde Maikon Mesquita pode chegar. Mas não tão cedo para ver que o aprendiz está “correndo” no caminho certo.

Por Celson Afonso

Fotos: Sylvio Rondinelli



Compartilhe com seus amigos