Bolt d’Oro vence o San Felipe Stakes por desclassificação

A semana era repleta de atrações, com várias provas importantes e excelentes cavalos inscritos, mas as atenções se voltaram para o desfecho controverso do San Felipe Stakes (GII), na distância dos 1700 metros, pista de areia, no Hipódromo de Santa Anita Park, prova ja vencida por craques como California Chrome, Pioneer of the Nile, Fusaichi Pegaus, Medaglia d’Oro, entre outros. Antes do páreo, a expectativa era enorme, principalmente pela presença de Bolt d’Oro e McKinzie, dois dos melhores valores da geração. O primeiro, chegou invicto e com duas vitórias de GI à Breeder’s Cup Juvenile, onde finalizou em terceiro atrás de Good Magic e Solomini, e faria sua primeira corrida em 2018. O segundo, ainda invicto e com duas vitórias graduadas, principalmente o Los Alamitos Futurity (GI), conquistado após uma polêmica desclassificação de Solomini. A prova contava com mais seis inscrições, além do forfait de Calexman. O desfecho do páreo teve todos os ingredientes para entrar para história: Ótimas direções, um lindo mano a mano entre os favoritos, um final eletrizante, sindicância da comissão de corridas e uma desclassificação polêmica. McKinzie cruzou o disco com cabeça à frente de Bolt d’Oro, mas acabou desclassificado.

A decisão unânime dos comissários de corrida pela desclassificação de McKinzie, gerou muitas reclamações, especialmente da sua equipe, Bob Baffert e Mike Smith. Bolt d’Oro (Medaglia d’Oro e Globe Trot, A.P.Indy), foi conduzido por Javier Castellano e apresentado pelo treinador Mick Ruis, chegou a 64 pontos na corrida para o Derby e é o novo líder. McKinzie alcançou, com 40 pontos, o segundo lugar.

Texto: André Rodrigues

Fotos: Internet

Compartilhe com seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *