Baliza 1 em nova fase

Há pouco mais de um ano, começou o Baliza 1. Um blog escrito pelos comentaristas e locutores da PMU Brasil para informar aos turfistas e apaixonados pelo esporte sobre os principais eventos e personagens das corridas no Brasil e no mundo.

Nesse período, foram mais de 380 textos que contaram histórias sobre treinadores, jóqueis, Grandes Prêmios e animais inesquecíveis.

Todos nós sabemos que um dos maiores desafios que o turfe encontra hoje é a atração de novos turfistas. Ajudar na renovação desse público e no desenvolvimento do turfe no Brasil, é um dos objetivos da PMU Brasil, desde o começo da parceria com o Jockey Club Brasileiro. E pensando nisso, o Baliza 1 entra, esta semana, em uma nova fase.

Além dos textos escritos pelos nossos especialistas, que falam a língua dos turfistas, vamos passar a publicar reportagens que ajudem os novos apostadores a entender esse esporte tão emocionante. A cada semana, publicaremos novos conteúdos, claros e explicativos sobre a legalidade das apostas, das regras e regulamentos das corridas, o treinamento e a criação de animais para o esporte. Um projeto que conta com a parceria de uma das mais conceituadas produtoras de conteúdo do Brasil, a Rock Content.

Portanto, a partir de agora, toda semana teremos conteúdos inéditos dos especialistas às segundas, quartas e sextas e às terças, quintas e sábados, textos mais explicativos, para quem está começando a se interessar e apostar nas corridas de cavalos.

Contamos com vocês, leitores do Baliza 1, para nos ajudar produzir e disseminar esses conteúdos, levando informação de qualidade e relevância a todos os turfistas, novos ou experientes.

Equipe PMU Brasil 

Compartilhe com seus amigos

3 comentários “Baliza 1 em nova fase

  1. Sugiro fazer reportagem comentando e comtando a históris dos grandes joqueis e treinadores do passado: O. Ulhoa, Rigoni, F. Yrigoen, Luiz Dias, Bequinho, Portilho, G. Feijó, E. Freitas, A. Nahid, …

  2. A meu ver, os programa principais das corridas internacionais deveriam ser inseridos em jornais de pequeno porte, com programas e indicações dos páreos por seus jornalistas dedicados a estas corridas.
    Maioria de turfistas de credenciados não conhecem a Internet, sendo assim, para o movimento da PMU crescer, é interessante divulgar em jornais ( pequeno porte) a relação dos páreos e suas indicações.
    Creio que PMU, desta maneira, terá retorno em suas corridas internacionais.

    José Augusto Cunha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *