Tá chegando a hora do GP Brasil

Há menos de um mês do festival do Grande Prêmio Brasil que acontece entre 8 e 12 de junho, as emoções já começam a aflorar no circuito do turfe.  Envolvidos no esporte, treinadores, jóqueis, criadores, proprietários, funcionários trabalham sem parar e focam para obter os melhores resultados.  Nesta semana, vou analisar quatro animais que, pelas lentes do binóculo, vejo altas chances de vitória.

Neste sábado, logo no 2° páreo, acontece o Prêmio Misuri – GP Brasil de 1934.  Pra quem gosta de apostar no Pick 3, a  boa pedida é Alienado, animal que reapareceu de longa inatividade e liderou o último páreo   até os  200 metros finais. Agora, mais aguerrido, conta com a direção de Marcelo Gonçalves  e treinamento de F. Borges. O proprietário é o  Stud 30 de junho,

No domingo também destaco um cavalo que estará presente em páreo de Pick 3. É o Guaruca que vai correr na abertura da reunião no Hipódromo da Gávea, no Prêmio Polux – GP Brasil de 1941. Pilotado pelo aprendiz Bruno Queiroz, irá deslocar 51 quilos. Acostumado com a distância de 2400 metros na grama, dificilmente será derrotado, ainda mais com uma pule boa. Do Stud Big Felling, tem treinamento de J. Borges.

Segunda-feira, 21 de maio. Anotado no 5° páreo, um  animal de muita categoria:  Corbusier que vai participar do Prêmio Empresário Aloísio Teixeira Maria Teixeira Filho. Com a direção de V. Borges, reapareceu de longa  ausência e segue fora de sua turma. Se tudo correr dentro da normalidade, o pupilo de E.Ricardo e de propriedade do Stud Fidelidade Partidária, sairá da raia, mais uma vez, com a vitória. 

E para finalizar a semana do turfe, vou marcar uma pule alta. Trata-se de Leopoldo, animal de número 8Inscrito no 4° páreo de terça-feira, larga por fora de todos no Prêmio Tatán – GP Brasil de 1956. Tem em seu dorso V. Borges e é treinado por D, Guignoni, do Haras Figueira do Lago. Sua estreia dava apenas um rateio de 3.9 contra Black Chello, o atual líder da geração.  Tinha parado de correr por 4 meses. Reapareceu em 1° de maio de forma regular. Porém é um candidato bem ligeiro e sua filiação é de areia. Disputa promete!

Boa sorte a todos. Aposte no turfe, aposte na sua diversão .

Texto: Fernando Freire Cury

Fotos: Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *